domingo, 7 de fevereiro de 2010

Na fila do analista NÃO!!!

A um tempo atrás eu tava saindo de um namoro muito dificil e fazendo terapia pq sou louca e o momento era bem complicado, mas não é disso que quero falar. A história começa quando adicionando minha terapeuta no orkut vejo nos amigos dela um carinha que era um gato e claro que eu dou uma olhadinha no perfil, pq ninguem é de ferro e mesmo na merda vc não resiste a um gatinho que vai te ferrar mais ainda.

E como na minha vida coisas absurdas sempre me ocorrem, esse cara era publicitário e tinhamos vários amigos em comum. Ah pra quem não sabe, sou publicitária, pelo menos eu acho, e aqui na minha cidade é assim: o meio é um cú, pequeno e podre. Todo mundo se conhesse e foi questão de tempo eu esbarrar com ele numa festa e claro enfiar o pé na jaca belissima.

Nessa epoca já fazia um ano que eu tinha visto o perfil dele pela primeira vez e eu sei que paquerar na fila do analista é a maior roubada que pode existir, isso é obvio, mas foi amor a primeira clicada e viajei daqui pro Japão nessa história. Como eu disse o vi nessa festa e por festa vc já entenda que eu tava bebada e o que a louca muito loca aqui fez!? Foi falar com ele claro, no pior papinho, "oi vc não me conhece, mass eu conheço vc!" Pqp como sou retardada! Mas no fim deu certo, e facinhos facinhos dormimos juntos. Juro que eu nem acreditava, foi o auge da realização, caralho vcs nem imaginam como foi bom. Mas quando a coisa ta lá em cima a queda é maior babys.

Pra começar meu cel descarregou e minhas amigas não sabiam onde eu tinha ido parar com ele, era obvio que eu tava sendo bastante feliz né!? hehe, ah mas foi um drama enoooorme. Sem falar que ouvi "vadia, vadia, vadia" mil vezes por ter dormido com ele no dia que o conheci. Mas poxa eu sabia tudo dele e quando aquela vozinha rouca disse "ah vamo lá pra casa pra eu te fazer uma massagem" putz impossivel resistir, nem vc resistiria que eu sei, e nem minhas amigas tb, run!

E como essa história é contada por mim nesse blog vc já sabe que nós não casamos né!? E mais! Ele iria fazer uma merda mais na frente e olha nem demorou tanto. Na semana depois do acontecimento, hauha, o encontrei num barzinho e ele como um grande idiota me deu um leve sorisso e sentou em outra mesa, sem sequer me dizer um oi ¬¬ fiquei com a cara no chão e todo mundo me olhou com aquela carinha de "eu tinha razão", oooodiooo!!!!

Isso já faz um tempo e nunca mais fiquei com ele, mas a raiva já passou e até hoje ele me convida pra fazer uma visitinha no ap dele, me oferencendo aquela velha massagem de novo, heheh! Eu tinha convicção que nunca iria aceitar esse convite cheio de otimas intenções, hehe, mas será!?

3 comentários:

Charlotte Baker disse...

Já tomou seu sossega-leoa de hoje?

manualdaleoamoderna.blogspot.com

escrevendo com os pés disse...

Se vale a pena,que mal tem?

Amanda disse...

sou da opinião do: pq não?